segunda-feira, 23 de junho de 2008

Com que roupa, digo, terno, que eu vou?

NO COMMENT, me nego. Uma imagem vale por mil palavras. O que fazer se seu chefe se vestir assim? O bom é que tem uma cor pra cada dia...

Que ternos são esses? Sem explicações. Terno mal cortado é pior que Coisa fofa da mamãe, era o que eles ouviam de pequeno. Daí, acreditaram...os Mulis das executivas-tô-bacana.

Atenção, senhores das empresas: terno ruim dá na cara. Não ouçam os vendedores de lojas de nome esquisito dessem shoppings baixa-renda! Eles só querem a comissão das vendas e trocam de roupa antes de ir embora. Entrevistei um desses seller-men (nome em inglês sofistica o blog) e, quando questionei se ele usava esses ternos de ombreira que termina depois da orelha, a resposta foi: “Deus me livre!”. Viu só, como o cliente foi um bobo que saiu feliz com seu terno de “Promoção 3 peças por 50 real (sic)”?

Acertou que este é o terno bom??? Então, pode levar sua prenda: um beijo da dupla aí do lado! E não aceito NÃO como resposta, tá. Faço questão.Acima e pelos lados deste post, vocês podem ver o jogo dos duzentos erros no desfile horror-inferno que achei pela busca do Google. Há aqui uma brincadeira tonta: um desses ternos é bacana... Hummmm qual será, né? Tá tão difícil...








3 comentários:

Anônimo disse...

QUE GENTE É ESSA??? O PIOR TERNO QUE JÁ VI FOI DE UM CHEFE QUE USAVA TERNO CREME. O QUE É PIOR QUE TERNO CREME? E ELE FICAVA SEMPRE DESFILANDO ACAHDNO QUE ERA MUITO BEM VESTIDO E FICAVA FALANDO ALTO QUE SEMPRE COMPRAVA NA DASLU. SEI NA DASLU DO BRAS.

Humberto Sordi disse...

terno é sempre terno. quem usa reconhece o que é bom mesmo.

Anônimo disse...

Falemos das gravatas tambem, tem cada uma!!!! Algumas curtas, outras extremamente longas e outras que sao adquiridas por obrigacao.