quinta-feira, 2 de outubro de 2008

SOS BOLSA

Apanha, Bolsa, Apanha.... Apanha... Já tô apanhando...Andar com fé eu vou, que a fé não costuma faiá... Só dando um de ex-Ministro da Cultura brazuca para tentar não deixar a peteca cair com essa Bovespa que parece querer chegar ao centro da terra – para quem não sabe, o começo deste texto é uma música do Gilberto Gil (e se não souber que Gil foi o Ministro da Cultura.... santaignorância, Batman).

E vai tudo pro chão. É lucro ruim de banco americano, são dados econômicos que despencam, é gráfico do dia que vai para baixo. E junto vão todos os deliciosos zeros a mais de todos que investem em ações. “É a longo prazo, esse é um investimento bom a longo prazo”, garante meu analista financeiro. Hum-hum...

Invisto em bolsa desde 2000 e esta é, sem dúvida, a pior crise pela qual eu e meu dinheiro já passamos. Estamos juntos e vamos continuar juntos. Com a diferença que ele, o dinheiro, resolveu brincar de mUdelo-anorexica e se nega a engordar de novo. Enquanto isso, seu dono, este que aqui lhes escreve, vai na contra mão e enche o buxo de brigadeiro e delicias cremosas. Como não compensar a perda, gente? Tudo bem que depois corro para a academia e não deixo o estrago do dinheiro e do corpo serem maiores. Ou daí perco o casamento e aí sim vai tudo por água a baixo.

Todo ano a Bolsa tem uns 3 ou quatro meses negativos. É sempre assim, normal. É preciso de crise para ganhar dinheiro no sobe e desce da BOVESPA. Não dizem que para ganhar é preciso perder? Em 2001 o problema foi o Bin Laden, 2002 e 2003 não lembro, 2004 acho que foi o momento Lula, 2005 teve o pior maio da minha memória, 2006 a tensão foi com o sobe juros americanos e o pânico com a China e Coréia do Norte. 2007 foram os americanos baixa-renda, os chamados subprimes, que mostraram a que vieram já em fevereiro. O mundo andou, achou que pobre não apitava nada, e teve a derrocada final a partir dos últimos dias de julho do ano passado. Desde então, parece Queda da Bastilha Mundial. Os sub resolveram não pagar mais suas contas e a revolução começou. Com alguns meses de respiro já estamos fazendo 1 ano de crise e parece que não vai melhorar nada. Mas prefiro manter meu jeito esperança-verde-amarelo e acreditar que para melhorar é preciso piorar. Meu medo é que sempre acreditei que melhorar é difícil, mas piorar é fácil.

Fico com pena de quem está entrando agora na Bolsa, ou que teve seu primeiro mês de stock options válida na empresa. Depois de anos e anos esperando aquele contrato ter valor, pimba, vem a Bolsa e leva embora o desejo do apartamento maior. Ou manda para longe a sonhada aposentadoria antes dos 40. Se você está nesse grupo, calma. Não se desespere. Não venda nenhum papelzinho. No fim, tudo volta. Também tenho como mantra que rico não gosta de perder dinheiro. E é atrás deles que temos que ir. E é na Bolsa que eles estão.

Outra turma de quem fico solidário nestes momentos de perdas fortes nos preços das ações é da área de RI de uma empresa. Os coitados são os primeiros a apanhar. E apanham de todos os lados. Apanham do marido – o dono da empresa – e dos amantes – os acionistas. Apanham também da imprensa especializada. E apanham ainda mais da sua própria conta-corrente. Ou você acha que eles não investem em ações? É essa gente bronzeada que vai mostrar seu valor – ou a falta dele – quando chegam os relatórios trimestrais, semestrais e anuais. E os deste ano não estão bolinho não. Mas também quando os números são incríveis parece que só o povo do RI que trabalhou o ano inteiro para fazer os resultados serem bacanas. Relendo o que escrevi, já não estou com tanta pena assim deles.

Deus, Meu Deus... Faz essa bolsa subir... Assim, as empresas ficam felizes, os bancos ficam felizes, o governo fica feliz, e até as pessoas ficam felizes. Prometo ser um bom executivo... Amém!Acho que ainda tenho mais pena mesmo é de mim e dos meus investimentos. Pronto, chorei. O que posso dizer para finalizar este texto - longo texto - é que lendo e lendo tudo o que sai por aí, parecia consenso que a Bolsa voltaria a ganhar impulso a partir de setembro. Vimos que não... Dizem, ainda, que a bolsa brasileira fecha no azul. Vamos ver. E vamos rezar, todos juntos, para isso acontecer. Amém.

5 comentários:

Anônimo disse...

bem bom seu texto. parabéns! também rezo todos os dias pela Santa Bolsa.

Adriane disse...

é meu amigo só com reza brava mesmo....ou com drogas pesadas!!
Brigadeiro é uma boa pedida, rsrsrs.

U.I. disse...

tô acendendo vela em cima de vela. hahaha

Anônimo disse...

Deixa lá! Cê vai vê... hehehehehe

Anônimo disse...

Eu acho que volta.