domingo, 21 de setembro de 2008

Domingo de NOTÍCIAS!

Domingo cheio de emoções. Poder S.A. acaba de ser encontrado pela imprensa e em grande estilo. Saímos na Folha de SP (nos cadernos Dinheiro e Empregos), no Diário de SP e hoje, domingo, dou entrevista ao vivo na Rádio Bandeirantes AM (840 AM e 90,9FM), às 22h45, no programa do Paulo Galvão. Quem quiser, ouve ao vivo, ou depois no link que vou disponibilizar aqui.

FOLHA DE SP - DINHEIRO - MERCADO ABERTO




AUTOR DISCUTE ASSÉDIO MORAL. Beto Ribeiro trabalhou como gerente de marketing das Americanas e da Cyrela. Antes, passou pela TV1, agência que desenvolveu estratégias de venda para empresas como Banco do Brasil, Unilever, Volkswagen, entre diversas outras. Nessas empresas, Ribeiro coletou casos de assédio moral e abusos de poder praticados em todas as hierarquias. Nem porteiros de prédio escapam, diz Ribeiro. Para evitar processos, misturou as histórias, inventou personagens e criou um ambiente surreal para escrever Poder S.A., livro que será lançado em outubro. O objetivo era só mostrar como estratégias baseadas em resultados e bônus dão certo, mas acabam criando um ambiente de trabalho totalmente insano.


* Apenas alguns esclarecimentos sobre a matéria:
- em outubro serão as noites de autógrafos. O livro já foi lançado e está à venda.
- só eu sei quais empresas estão no livro. As marcas citadas na reportagem fazem parte do meu currículo de trabalho e não necessariamente são cenários de quaisquer histórias. Cabe ao leitor a brincadeira de descobrir quem é quem.


DIÁRIO DE SP - CADERNO TALENTO



LIVRO DA SEMANA. Diretores de empresas, gerentes e funcionários t~em a oportunidade de saborear histórias reais do mundo corporativo em Poder S.A., de Beto Ribeiro. Jornalista e ex-executivo de marketing de grandes empresas do país, Ribeiro não poupa ninguém: do presidente à copeira, do RH à secretária de diretoria, todos os podres e pequenos poderes dos que passeiam felizes pelo mundo corporativo são desmascarados. Não por acaso, o livro é recomendado para quem odeia o chefe e trabalha 15 horas por dia.

FOLHA DE SP - CADERNO EMPREGOS

Um prédio fictício abriga empresas. Em cada andar há uma história de egoísmo, traição, conspiração e recalque. Diferentemente dos casos de sucesso e das maravilhas do mundo corporativo, o autor decidiu mostrar, baseado em fatos reais, o lado perverso da carreira de cada um.


3 comentários:

Cintia disse...

até minha mãe ligou de Lins pra falar que viu vc na folha, sucesso!!! beijos

Vanessa disse...

acabei de ouvir sua entrevista na bandeirantes. muito boa. parabéns.

VERA LÚCIA disse...

Primo, o livro é o máximo...a cada página reconhecia coisas daqui...

Já nas primeiras leituras estava rindo sozinha...

Vera Lúcia